Notícia

Recírio encerra Quadra Nazarena hoje

Após celebração eucarística, imagem original da Santa retorna ao Glória

Municí­pios // Belem
Publicada em 28/10/2013 às 10:00:27

Selecionado por: Cleane Mendonça

 

A quadra nazarena em louvor à padroeira dos paraenses chega ao final após mais de 15 dias de homenagens a Nossa Senhora de Nazaré. O Recírio, última das 11 romarias oficiais da Festividade de Nazaré, ocorrerá no início da manhã de hoje, encerrando a programação da 221ª edição do Círio 2013. A imagem original de Nossa Senhora volta ao Glória - local onde permanecerá guardada durante o ano inteiro. Às 7h haverá a celebração de missa campal na Praça Santuário, em Belém e em seguida começa a romaria até o Colégio Gentil Bittencourt.
 
Na procissão do Recírio, os devotos seguirão a Imagem Peregrina da Virgem de Nazaré em romaria, contornando a Praça Santuário, seguindo pela avenida Generalíssimo Deodoro, avenidas Nazaré e Magalhães Barata até chegar à Capela do Colégio Gentil Bittencourt. O percurso é de 650 metros, sendo este o menor trajeto de todas as romarias oficiais e deve ser cumprido em 45 minutos. De acordo com estimativas do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Sócio-Econômicos no Pará (Dieese-PA) e da Diretoria da Festa de Nazaré, a última procissão do Círio 2013 deve reunir aproximadamente 50 mil devotos.
 
Segundo Carlos Augusto Nobre, diretor de Procissões do Círio 2013, o andor com a imagem da Virgem de Nazaré será enfeitado com flores naturais. O andor com a imagem da Virgem será carregado pelos diretores da Festa de Nazaré.
 
Kleber Vieira diz que o Recírio, a última das 11 romarias em homenagem à santa, significa saudades. "Costumo dizer que, quando o cortejo termina, a Diretoria da Festa entra em DPC - Depressão Pós-Círio’", brinca.
 
A primeira procissão do Recírio ocorreu no século XIX, em 1859. Antigamente, o Recírio era feito no domingo à tarde com a volta da imagem para a Capela do Palácio do Governo, fato relatado em 1859. Já conhecido como "Último Ato da Festividade Nazarena", ao chegar na Praça em frente ao Palácio, a procissão era encerrada com uma missa e com a queima de fogos de artifício.
 
Atualmente, após a missa no Altar Monumento da Praça Santuário, leva-se à Imagem para a Capela do Colégio Gentil Bittencourt. O grande final da última procissão é marcado pelo aceno dos lenços brancos e pela oração em grupo da Guarda de Nazaré, nas escadarias do Colégio Gentil onde a Imagem Peregrina ficará até a edição do Círio próximo ano.
 
Incineração
 
Desde 1994, durante a missa que antecede o Recírio, ocorre a cerimônia de Incineração das Súplicas, quando os diretores da festa de Nazaré recolhem e queimam os pedidos depositados pelos fiéis no altar monumento da praça Santuário e no altar da Basílica Santuário, no decorrer dos 15 dias de festividades. A cerimônia simboliza o envio de pedidos e agradecimentos dos fiéis aos céus.
 
Fonte: O Liberal

// Municí­pios // Belem

© Copyright 2012 - 2013 PortalJNP - A informação sempre em primeiro lugar. Todos os direitos reservados.