Notícia

Rússia 2018 - 1a. rodada Gp B - Portugal arranca empate contra a Espanha, 3x3.

Show de CR7: Ronaldo faz 3 e estraga a festa da Espanha, que saiu na frente.

Esportes // Copa do Mundo
Publicada em 15/06/2018 às 18:40:15

 

 

 

 

 

 

 

Indiscutivelmente o melhor jogo da Copa do Mundo de 2018 até o momento. Afetada pela crise após a saída de Julen Lopetegui, a Espanha entrou em campo para provar que se mantinha focada no torneio - mas não contava com a atuação de Cristiano Ronaldo.

 

 

 

 

Portugal, que não tinha nada a ver com isso, viu o craque marcar três gols e arrancar o empate na marra, aos 43 minutos do segundo tempo. O placar de 3 a 3, nesta sexta-feira, em Sochi, pela primeira rodada do Grupo B, é um bom resumo do que foi o jogaço.

 

 

A Espanha teve de suar além da conta na quente cidade russa. Conhecida pelo seu toque de bola, a seleção precisou fugir de suas origens na partida. A construção das jogadas dos gols de Diego Costa foi feita por uma ligação direta e uma bola aérea.

 

 

Já o de Nacho veio com um belo chute de fora da área. Cristiano Ronaldo mostrou porquê é o líder de Portugal e um dos melhores jogadores do mundo: três gols, atuação brilhante e recordes quebrados.

 

 

 

NACHO DECISIVO PARA OS DOIS LADOS

 

 

As surpresas do duelo começaram nas escalações. Fernando Hierro colocou a seleção espanhola mais protegida na lateral direita. Nacho ganhou a posição por ser melhor marcador que Odriozola e ganhou voto de confiança por conhecer o português e treinar junto no Real Madrid. Logo no primeiro lance, pênalti... em Cristiano Ronaldo. No segundo tempo, se redimiu marcando um golaço - o seu primeiro pela seleção. Era a virada da Espanha em 3 a 2...

 

A ESTRELA DO CAMISA 7 PORTUGUÊS

 

 

Cristiano Ronaldo, que já havia dado dois passes de letra e levantado a torcida, cobrou o pênalti com categoria e abriu o placar. Ainda no primeiro tempo, contou com uma falha constrangedora de De Gea para marcar o segundo.

 

 

Apesar da derrota, o português quebrou um recorde e se tornou o primeiro jogador a marcar por quatro competições internacionais consecutivas. Aos 43 minutos do segundo tempo, um golaço de falta: três gols na estreia. 

 
 
 
Edição: André Santos
 
 
 
 
Fonte e Foto: ORM
 
 
 
 

 

// Esportes // Copa do Mundo

© Copyright 2012 - 2013 PortalJNP - A informação sempre em primeiro lugar. Todos os direitos reservados.