Portal JNP: O Seu Portal de Informação

105 milhões de filhos devem presentear os pais

Em Belém, a procura por presentes no comércio de ainda é tímida. Porém, os comerciantes estão esperançosos numa eventual melhora na próxima semana.

Notícias // Brasil
Publicada em 03/08/2019 às 10:50:49

 

 

ados da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), levantados nas 27 capitais brasileiras, apontam que 67% dos consumidores pretendem ir às compras por conta do Dia dos Pais. A taxa representa um aumento de seis pontos percentuais em relação a 2018. O que significa aproximadamente 105 milhões de pessoas comprando presentes para entregar aos pais no segundo domingo de agosto. Em média, consumidores pretendem gastar R$ 190 com os presentes.

 

Em Belém, a procura por presentes no comércio de ainda é tímida. Porém, os comerciantes estão esperançosos numa eventual melhora na próxima semana. Lenno Ávila administra uma loja de presentes na rua João Alfredo, há apenas uma semana. Apesar de pouco tempo, ele preparou um setor específico apenas para os pais, buscando assim se destacar da concorrência. “Esperamos que essa data nos ajude a alavancar as vendas. Eu acho que o movimento vai melhorar mesmo a partir deste sábado que é um dia de folga e o último final de semana antes do Dia dos Pais. Apesar disso, com certeza a procura vai ser grande mesmo é na véspera porque a gente sabe que o brasileiro adora deixar tudo para última hora”, disse o proprietário.

 

E pensando nisso que, para se destacarem diante de tantas opções, os lojistas preparam promoções para ganhar a simpatia e, claro, a confiança do possível cliente. Como o movimento para o presente dos pais ainda é fraco, a comerciante Andreia Marques diz que a concorrência será acirrada na próxima semana principalmente no segmento de vestuário que é sempre uma boa opção de presente.

 

“Aqui vamos trabalhar para atender todos os tipos de pais com a venda de calças, bermudas, camisas, sandálias e sapatos. Nesse período de dia dos pais geralmente a procurar por estes produtos aumentam apenas na última semana antes da data e pode ter certeza que estaremos preparados para grandes vendas”, disse confiante.

 

‘PREÇO EM CONTA

 

Apesar do movimento ainda estar fraco, quem resolver ir logo para o centro comercial de Belém pode encontrar produtos com bons preços. Foi o que fez o motorista Valdir Pantoja de Sousa, que estava em busca de uma camisa e gostou dos valores ofertados. “Pra mim o preço está em conta. Eu sempre gosto de fazer compras no comércio porque os preços são mais baixos e temos muitas opções. Sempre que posso eu compro aqui”, declarou.

 

 

 

 

Fonte: DOL

 

 

 

Noticias Relacionadas